Você tem o tamanho que acredita!

Revisando algumas revistas e achei uma reportagem bem legal. O autor mostra o quanto nossos amigos fiéis de quatro patas nos ensinam lições.

-Não desistir fácil, mas reconhecer seus limites. Ser perseverante no que quer, muitas vezes é preciso tentar várias formas até dar certo.

Exemplo canino: o que eles não fazem por um ossinho? Um passeio no parque?

-Respeitar o tempo do outro. Fazer que a nossa carência não exija atenção imediata. Saber desenvolver o amor próprio! Pra que insistir com quem não nos faz festa?

Exemplo canino: sentem quando estamos mal-humorados, tristes ou felizes. Se tem carinho, aproximam-se. Se não tem, afastam-se.

-Se estiver contente transpareça, grite, pule e sorria. Seja sincero sem vergonhas.

Exemplo canino: abanam seus rabinos, como se fossem espanadores de pó!!!

-O amor nos faz sentir muito maior! Ser amado nos torna grande, nos mantém confiantes diante a inevitáveis frustrações ou até quando alguém tenta nos diminuir.

Exemplo canino: quando recebem amor, entendem que são os seres mais importantes na vida do dono, e fazem de tudo para manter esta posição. Se empinam todo diante de outros...

-Dê seu recado em alto e bom som. Vamos deixar de lado a comodidade, pudor ou medo alheio. Vamos expressar a raiva e pedir o que queremos! Ninguém é obrigado a adivinhar nossos desejos.

Exemplo canino: eles latem e latem e latem e latem e latem...

Vale ou não vale, ter esta incrível capacidade de “crescer “?

- Eles simplesmente acreditam que são maiores e agem de acordo -

:P